Please select your country / region

Close Window
GT
Comunidade do GT SPORT
BR
GT Academy

Matthew Simmons, da Austrália, coroado campeão da GT Academy Internacional de 2015

Matthew Simmons, da Austrália, realizou seu sonho automobilístico em Silverstone após ser nomeado o campeão da GT Academy Internacional da Nissan e PlayStation® de 2015.

O jovem de 26 anos disputou a competição com outros 29 jogadores de elite de Gran Turismo® do mundo inteiro para decidir seu sucesso, conquistando um lugar no Programa de Desenvolvimento de Pilotos da Nissan e uma vaga nas 24 Horas de Dubai de 2016.

A decisão ocorreu após o épico Race Camp de uma semana, com Simmons escolhido campeão devido a seu ritmo consistente e contínuo e à vontade de aprender e desenvolver suas habilidades de pilotagem.

O Race Camp terminou com uma emocionante corrida de oito voltas no Circuito Nacional de Silverstone em carros de corrida Nissan 370Z NISMO. Simmons, que largou da pole position, perdeu a liderança inicialmente para Ryan Lynch, dos EUA, mas rapidamente retomou a frente. Após Lynch ficar para trás, Hüseyin Dagli, da Turquia, tornou-se o principal desafiante à liderança, e os dois se revezaram ao longo da reta Wellington por três voltas consecutivas, em uma incrível disputa roda a roda. Infelizmente, quando ele se defendia de Dagli na quinta volta, seu carro apresentou um problema mecânico e perdeu potência, o que permitiu que o piloto turco o ultrapassasse, assim como o finalista mexicano Juan Carlos Carmona Chávez. No entanto, os jurados levaram em consideração o fato de Simmons ter marcado a volta mais rápida enquanto o carro estava em boas condições, assim como seu ritmo no início da corrida, o que demonstrou a aplicação de seu desempenho consistente em todos os desafios durante a semana, em um ambiente de corrida de alta pressão.

Simmons comentou: "Eu realmente não consigo acreditar. Estou no topo do mundo. Infelizmente, um problema mecânico tirou a corrida das minhas mãos, mas isso é o automobilismo e não é possível fugir disso. Eu acredito que na primeira parte da corrida eu realmente mostrei o potencial do que sou capaz de fazer. A espera no pódio estava me deixando ansioso, mas quando Rob disse meu nome, eu tive que me beliscar. Não acredito que ele disse meu nome e agora sou um piloto de corrida! Minha jornada foi intensa nos últimos 18 meses. Eu tive tantas pessoas apoiando meu sonho, e elas me passaram tanta confiança e me fizeram acreditar que eu seria capaz de alcançar aquilo que queria há tanto tempo: virar um piloto de corrida. O programa GT Academy é incrível. Realmente é possível dizer que o Programa de Desenvolvimento de Pilotos treina você para virar um atleta. Eles ensinam todos os aspectos, então, quando você atinge o ápice, você está nas 24 Horas de Dubai, está pronto para enfrentar o mundo."

Simmons conquistou um lugar no Race Camp superando centenas de milhares de jogadores de Gran Turismo que participaram da competição no mundo inteiro. Após vencer a Final Nacional da Austrália, ele chegou a Silverstone como um dos seis representantes da Austrália, entre 29 competidores internacionais no total, representando sete países e divididos em cinco grupos de território. Cada grupo desenvolveu uma relação próxima com seu juiz de território, que atuava como mentor, mas também era encarregado de decisões difíceis a respeito de eliminações da competição.

A ação de pista aconteceu no Reino Unido na última sexta-feira, com seis finalistas da Austrália, dos EUA, do México, do norte da África e da Turquia, formando um forte grupo de 30 competidores. Durante a semana, no International Race Camp, uma série de desafios automobilísticos e físicos reduziu o grupo para os últimos 10 que ainda competiam pelo título de campeão da GT Academy Internacional. Cada jurado teve, então, a chance de escolher seus dois melhores pilotos, que assumiriam o volante de carros 370Z NISMO para uma corrida de oito voltas no Circuito Nacional de Silverstone.

Os desafios, durante a semana no Race Camp, eram inúmeros e envolviam alta velocidade, com os jogadores sendo colocados direto em ação no primeiro dia, quando assumiram o volante de monopostos, carros de corrida Caterham, Nissan GT-Rs e carros JPLM no Autódromo de Bedford. Ao longo da semana, vários desafios surpreendentes foram apresentados a eles, incluindo o circuito de assalto "GT Ninja", uma inovadora corrida em gincana em estilo militar, corrida de buggies nas dunas, monster trucks e uma corrida de stock cars Nissan Micra que decidiu o grid de largada da corrida final de hoje.

Rob Barff, o juiz principal da GT Academy Internacional da Nissan e PlayStation de 2015, disse: "Matthew foi forte e consistente durante toda a semana, mostrou que é um ótimo jogador em equipe e recebe as boas-vindas à família GT Academy. Fomos muito sinceros. O carro dele apresentou um problema, e isso acontece no automobilismo. É algo que poderíamos ter ignorado facilmente, mas não fizemos, e esse é o resultado correto e justo. Na próxima vez em que eu o vir, será nos paddocks do Reino Unido e, então, nas 24 Horas de Dubai."

Darren Cox, chefe de automobilismo da Nissan: "Estamos muito felizes ao parabenizar o Matthew por ser coroado campeão da GT Academy Internacional de 2015 e se tornar o primeiro vencedor australiano. Os jurados ficaram realmente impressionados com sua habilidade no Race Camp, e estamos ansiosos para transformá-lo em um atleta NISMO completo. Mesmo no oitavo ano, ainda encontramos maneiras de renovar a GT Academy, e o entusiasmo dos novos mercados que tiveram inscritos é fantástico. Eles veem, em primeira mão, o êxito que o programa tem tido em novos mercados, com Thanaroj Thanasitnitiket (Tailândia) e Abhinay Bikkani (Índia) realmente conquistando a Copa Nissan Micra no Canadá, e não vemos o porquê de não continuar."

A grande oportunidade da vida de Simmons começará agora mesmo, quando ele receberá ensinamentos de corrida de classe mundial e treinamento físico da Nissan para prepará-lo para sua estreia em corridas de resistência em Dubai, em janeiro do próximo ano.